© 2019 |  Pastoral da Mulher Marginalizada | PMM  Nacional 

Receba nosso Boletim 

Secretariado Nacional

CNPJ: 06166260000118

Rua Guilherme Maw, 64 casa 20

Bairro Luz – São Paulo – SP

CEP: 01105-040

Tel: (11) 3326-0663

pmm@pmm.org.br

Atuação

FRENTES DE AÇÃO:

  • Trabalhar ao lado da mulher em situação de prostituição;

  • Enfrentamento e combate ao abuso e exploração sexual contra  criança e adolescente;

  • Enfrentamento e combate ao Tráfico Humano.

 

ATUAMOS:

  • Abordagens em locais de prostituição: ruas, bares, boates, postos, etc;

  • Distribuição de material educativo e informativo;

  • Oficinas: Saúde Integral, Cidadania, Auto – Organização, Prevenção e Auto-Estima;

  • Cursos de geração de rendas;

  • Palestras e Seminários;

  • Proporcionar momentos de espiritualidade, valorizando a religiosidade popular.

 

TRÁFICO HUMANO

 

A maior das violências

 

Segundo dados da Organização das Nações Unidas/ONU, de um a quatro milhões de pessoas desaparecem por ano no mundo.

               

As maiorias vítimas são meninas e mulheres que são traficadas, em sua maioria, para fins da exploração sexual.

               

O tráfico de pessoas é fruto de um processo histórico de desigualdade e injustiças. O drama da pobreza e da exclusão social são fatores decisivos para vulnerabilidade em qualquer tipo de exploração sexual, construindo uma corrente sucessiva de violação de direitos.

  • 11,4 milhões das vítimas do tráfico humano são mulheres e meninas – OIT.

  • 20,9 milhões de pessoas são traficadas no mundo.

  • O crime do tráfico humano movimenta 32 bilhões de dólares ao ano – ONU.

  • Dentre as modalidades do tráfico humano, as mais conhecidas são:

  • Exploração sexual;

  • Trabalho escravo;

  • Adoção ilegal;

  • Extração de órgãos.

 

Exploração sexual

A Polícia Federal estima que 250 mil crianças estejam sendo exploradas sexualmente no Brasil.

A exploração sexual destrói a essência da infância, que é a inocência. Portanto, ninguém pode manter-se imparcial. Assim:

 

Você cuida do Adolescente e DENUNCIA!

Ou fica do Lado do Criminoso e SILENCIA!

De que lado você está?

DENUNCIE DISQUE 100

 

DESAFIOS

  • Da visibilidade da problemática da Exploração Sexual na sociedade e na Igreja.

  • Ampliar os grupos de reflexão nas diversas  instâncias  governamentais e não-governamentais.

  • Entender que as vítimas da exploração sexual não respondem pelos seus atos.

  • Criar  e disponibilizar  maiores dados sobre a exploração sexual.

© 2023 por Elas com Elas. Orgulhosamente criado com Wix.com

Tel.

(11) 3326-0663